silenciosamente feliz, eu ganhei uma gaveta

.
mirmecófago (do grego múrmeks, -ekos, formiga + -fago)
adj. zool. que se alimenta de formigas. = formicívoro

ontem, no trabalho, me ofereceram uma gaveta para que eu pudesse guardar meus pertences. isso foi como se eu tivesse sido promovida de café-com-leite à funcionária do mês. é como se me tivessem dito: ok, você vai dar conta e vai ficar um bom tempo aqui com a gente, você precisa se enraizar dessa sala como nós. me lembrei de quando, três anos e meio atrás fui recebida com uma gaveta no armário de quem fui fazer um novo ninho de amor.

fiquei feliz e, silenciosamente feliz, respondi: sim, obrigada. mas eu queria ter dito muito mais, se não fosse tímida. teria dito que não me incomoda tanto saber que estou sendo avaliada, afinal eu estou chegando agora e que é preciso ter alguém mais centrada por aqui num grande celeiro de subjetividades e poéticas. e que o seu agradecimento por mais um dia de trabalho, a cada final de expediente, me faz ser uma pessoa maior e melhor.

e enquanto os sinos tocam no coração de jesus, sinto saudades daquela que foi contar formigas argentinas. e o mundo do trabalho repica em praças e afetos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s