Amor, mamãe, nessa e em todas as outras passagens pelo planeta

1937164_1238098346219937_4914571027515016670_n

Há trinta dias meu amor partiu, mal consigo respirar, meu peito bate descompassado, ainda não consigo acreditar.

Há trinta dias me afogo em saudade e desespero e tudo tudo tudo o que faço me lembro dela.

Há trinta dias aprendi a rezar e pedir ajuda. Os dias correm e sinto uma força transformadora, bem aos poucos, se apossando de mim.

Há trinta dias descubro, com dor, que a passagem de mamãe pela minha vida, essa incrível existência de coragem e vida, me tornou essa pessoa que hoje sou: seus desdobramentos celulares do mais puro amor.

Amor, mamãe, nessa e em todas as outras passagens pelo planeta. AMOR.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s